Wiki AIA 13-17
Advertisement

Editor: Giórgio Tondello

Colaboradores: Tiago Xavier, Kurt Neulaender, Carlos Ehrl, Lucas Muehlbauer e Rafael Koerber


"A manutenção de um volume relativamente constante dos líquidos corporais é extraordinária, pois existe uma contante troca de líquidos e solutos com o meio externo, assim como entre diferentes compartimentos do corpo. Por exemplo,  a entrada de líquidos no corpo é muito variável e deve ser cuidadosamente combinada com a saída de líquidos para evitar que o volume de líquido do corpo aumente ou diminua."

Perda de Líquidos[]

Diariamente, o organismo elimina por volta de 2300ml de água, em condições normais: 700 ml pela eliminação insensível (pele e trato respiratório), 100 ml através da sudorese, 100 ml através das fezes e 1400 ml através da urina.
A quantidade de líquido que se perde através da sudorese varia muito, depende da atividade física que esta se praticando e também da temperatura do ambiente. Em um dia que estiver fazendo muito exercício intenso prolongado, pode chegar a 5000 ml.
A perda de líquidos através das fezes geralmente é pequena, mas essa quantidade pode sofre um grande aumento e chegar a vários litros por dia em indivíduos com diarreia, que pode vir a ser fatal, principalmente em crianças, se não for tratada a tempo.

Compartimentos[]

O líquido corporal total esta dividido em 2 grandes compartimentos: o líquido extracelular e o líquido intracelular. O líquido extracelular por sua vez é dividido em: líquido intersticial e plasma.

Em um ser humano adulto, a quantidade total de água representa 60% de todo o peso corporal, portanto, em um homem com peso média de 70 quilos, ele terá 42 litros de água, que corresponde a 42 quilos de toda seu peso corporal.

www.lookfordiagnosis.com

Pessoas obesas tem menos líquido corporal, devido ao fato do tecido conjuntivo comportar menos quantidade de liquidos.

Destes 60%, 2/3 ou 40% será do liquido intracelular, e os outros 20% do líquido extracelular, que por sua vez sera subdividido em 15% para o liquido intersticial e 5% para o plasma..



Constituintes do Líquido Extracelular e Intracelular[]

O plasma e o líquido intersticial são separados apenas por uma membrana capilar com grande permeabilidade a íos, assim, suas composições iônicas são semelhantes. A diferença mais importante entre estes dois compartimentos é a maior concentração de proteínas no plasma, isso se deve aos capilares terem baixa permeabilidade às proteínas plasmáticas.

en.wikipedia.org - 220 × 160

Efeito Donnan - É o equilibrio entre cargas positivas e negativas presentes na membrana. O plasma é composto de proteínas plasmáticas (ex:albumina), essas proteínas tem cargas negativas que promovem uma redistribuição de pequenos cátions e anions, através da parede do capilar.

Como a membrana é apenas permeável a íons, ocorre um fluxo de ânions para o plamas por diferênça de concentração. Com esse fluxo, vai ocorrer um acúmulo de carga negativa no plasma, o que moverá cátions do interstício para o plasma. Portanto, a concentração de cátions no plasma é levemente maior que no interstício e a concentração de ânions no plasma e maior distratamente menor que no intertício.

O líquido extracelular contem grandes quantidades de íons sódio e cloreto, uma quantidade razoável de íons bicarbonato e uma pequena quantidade de íons potássio,cálcio, magnésio, fosforo e ácidos orgãnicos.

A composição do líquido extracelular é cuidadosamente regulada por vários mecanismos, mas especialmente pelo rim, conforme será discutido mais para frente.

Regulação da troca de líquidos e Equilíbrio Osmótico[]

As quantidades relativas de líquido extracelular distribuídas entre o plasma e os espaços intersticiais são determinadas principalmente pelo equilibrio de forças hidrostáticas e coloidosmóticos através das membranas capilares. A distribuição dos líquidos entre os compartimentos intra e extra celular, em contraste, é determinada pelo efeito osmótico de solutos menores -sódio,cloreto e outros eletrófilos- agindo através da membrana celular. A razão para isso é que as membranas celulares são altamente permeáveis a água e relativamente impermeáveis a esses íons menores. Portanto, a água se move rapidamente através da membrana celular, de forma que o líquido intracelular permanece isotônico em relação ao líquido extracelular.

Osmose - É a passagem de líquido (água) através de uma membrana semi permeável a favor do gradiente de pressão osmótica. O gradiente de pressão osmótica é gerado pela concentração de solutos. A passagem ocorre de uma região mais concentrada em soluto para uma de menor concentração de água. Em se tratando de concentrações, a passagem do líquido é do meio menos concentrado para o mais concentrado.

Devido as membranas celulares serem relativamente impermeáveis para a maioria dos solutos, sempre haverá um maior acúmulo de soluto de um lado da membrana, que ditará a direação a direção da difusão, em resultado das diferenças de concentrações que existem entre os 2 lados da membrana celular. A taxa de difusão da água é conhecida como taxa osmose.

Tonicidade dos líquidos[]

O efeito de diferentes concentrações de solutos impermeantes do líquido extracelular no v

Diferentes tipos de concentrações.

olume das células pode ser observado na figura ao lado.

Se eu colocar células em uma osmolaridade de 282 mOsm/L, as células não terão seu volume aumentado, pois as concentrações dos líquidos intra e extracelular são iguais e os solutos não podem entrar ou sair da célula. Essa solução é caracterizada como ISOTÔNICA.

Se a célula for inserida em uma solução HIPERTÔNICA, que apresenta uma concentração maior de solutos impermeáveis que o líquido intracelular, a água irá sair da célula do líquido intracelular para o extracelular. Neste caso a célula irá "murchar" até que as osmolaridaes voltem a ficar iguais.

Em uma solução HIPOTÔNICA, com concentrações de soluto impermeantes menores que 282 mOsm/L, a água ia se difundir do meio extracelular para o iintracelular, causando um "inchamento" da célula. Caso o inchamento ultrapasse a capacidade de distensão da membrana, ela vai se romper, fenômeno chamado de "Lise".

Efeito da adição de solução salina ao Líquido Extracelular[]

Se uma solução salina isotônica for adicionada ao compartimento de líquido extracelular,a osmolaridade do líquido extracelular não se altera; por essa razão, não ocorre osmose através das membranas celulares, e o único efeito é o aumento do volume do líquido extracelular.

Se uma solução hipertônica é adicionada ao líquido extracelular, a osmolaridade extracelular aumenta e causa osmose da água das celulas para o compartimento extracelular. O efeito real é um aumento do volume extracelular (maior do que o volume de líquido adicionado), uma redução no volume intracelular, e um aumento na osmolaridade de ambos os compartimentos.

Se uma solução hipotônica é adicionada ao líquido extracelular, a osmolaridade do líquido diminui e parte da água extracelular se difunde por osmose até que as células do compartimento intrecelular e extracelular tenham a mesma osmolaridade. Ambos os volumes intracelular e extracelular aumentam quando se adiciona um líquido hipotônico, embora o líquido intracelular aumente em maior estensão.

DAYANE TORRES SEGUE NO INSTA(My left ball, is gigantic)


(Modificado de Pitts, R.10)







Alterações no volume e na osmolalidade dos compartimentos intra- e extracelulares, quando se adiciona: A) apenas água ao organismo; B) uma solução salina hipertônica; C) uma solução salina isotônica. O estado inicial dos compartimentos intracelular (I) e extracelular (E) está representado pelas linhas contínuas e no final está representado por linhas interrompidas. A altura do compartimento representa a osmolalidade, e a largura, o volume.

Referências[]

HALL, John E.; GUYTON, Arthur C. Tratado de Fisiologia Médica. Elsevier, 12ª edição, RIO DE JANEIRO, 2011.

TONDELLO, Giórgio C. Anotações da aula da Disciplina de Fisiologia. UNIVILLE. 14/05/2013.

CONSTANZO, Linda S. Fisiologia. Guanabara Koogan, 4ª edição, RIO DE JANEIRO, 2008.

Links Externos

Influência na Infusão de Soro Fisiológico NaCl 0,9% na saúde

Manutenção da volemia

Osmose (animação

Advertisement